Feeds:
Posts
Comentários

Archive for abril \27\UTC 2012

Anime baseado no game Shining Hearts, lançado para PSP. Estreou em 2012 e terá 12 episódios. É o segundo anime das séries Shining. O primeiro foi Tears x Wind. Gênero: Fantasia/Romance/Harém

 

História

Rick, Nellis, Amyl, e Aerie trabalham em uma padaria da ilha de Wyndaria, fazendo pães excelentes e de muito sucesso. Rick é um jovem espadachim que foi encontrado à deriva na ilha e depois resolveu ajudar na padaria.

Depois de uma intensa tempestade, uma garota é achada à deriva na ilha. O nome dela é Kaguya e ela perdeu várias memórias. Ela tem uma pedra valiosa consigo, isso faz com que piratas venham à ilha. Rick e as 3 irmãs decidem ajudar Kaguya a recuperar suas memórias e livrar a ilha dos piratas.

 

Comentário

É um bom título de Shining. Tem uma qualidade gráfica de encher os olhos. Os cenários, personagens e vários elementos são muito bem feitos e com cores muito boas. A trilha sonora não é um grande destaque, mas tem muita qualidade. A animação é excelente.

A história não mostra um grande atrativo, sendo um tanto abaixo de outros títulos da franquia, mas seu desenvolvimento consegue ser bom. Os personagens também não encantam tanto, sendo que Rick e Kaguya são os mais interessantes. O possível romance entre Rick, alguma das irmãs ou até Kaguya é um atrativo no lado romântico/harém da série. E mesmo parecendo algo tão leve, tem cenas de ação e combate. Para quem quer ver uma série bem leve, com romance e eventuais combates, pode ser uma boa. Mas quem vier buscando toda a ação e lutas dos outros títulos Shining, vai se desapontar. Com 12 episódios, é possível ter uma boa adaptação do game. Vale a pena conferir.

-by Ryuh (@GabiMTG)

Read Full Post »

Mangá escrito e ilustrado por Maybe, lançado em 2009, com 6 volumes até o momento. Não é publicado no Brasil. Em 2012, ganhou anime, que terá 12 episódios. Gênero: Sobrenatural/Mistério/Comédia/Romance

 

História

Teiichi Niya é um aluno do 1º colegial da academia particular Seikyou. Em um dia, ele se perdeu no velho prédio da escola, e encontra Yuuko Kanoe, que diz ser um fantasma que sofre de amnésia. Para a surpresa de Yuuko, Teiichi acredita nela e decide investigar qual foi a causa da morte dela. Yuuko funda um clube escolar de assuntos paranormais para auxiliar os alunos com problemas relacionados a isso.

 

Comentário

Uma série muito boa, que combina humor, sobrenatural, romance e obscuridade de uma forma muito bem feita. O mangá tem um traço muito bom, com cenários feitos de forma excelente e personagens igualmente bem feitos, com grande e caprichado design. O anime tem um gráfico muito bom, que tem elementos bem claros e vívidos, contrastando com cenários bem escuros, dando uma boa impressão visual. A parte sonora não é algo tão marcante, mas em nada interfere. A animação é boa também.

A história é interessante, em especial pelo seu desenvolvimento. Junto com as investigações, muito sobre a Yuuko é revelado aos poucos. E Yuuko não é um fantasma que é sempre um personagem cômico. O lado mais sombrio dela é bem mostrado, e isso é bem interessante e determinante pra história. Deve-se lembrar que a história do mangá diverge levemente com a do anime. Tem personagens bons e cativantes. Junto com as partes cômicas (que são muito boas, garantindo diversão), há o romance entre Yuuko e Teiichi, que tem como obstáculo o fato dela ser um fantasma, claro. Todos esses elementos juntos formam uma grande série. De resto, tem algumas cenas mais ecchis. Como o anime só vai ter 12 episódios, é uma boa acompanhar o mangá. Recomendo!

-by Ryuh (@GabiMTG)

Read Full Post »

Zetman

Mangá escrito e ilustrado por Masakazu Katsura. Foi lançado em 2002 na Weekly Young Jump e ainda está em andamento, com 17 volumes. Não é publicado no Brasil. Em 2012, ganhou anime, que terá 13 episódios. Contém cenas fortes de violência e temas sugestivos. Gênero: Ação/Sci-fi

 

História

A história do anime diverge muito da do mangá, a original.

Jin Kanzaki é um jovem que viveu sua infância na pobreza, ao lado do seu avô, que tentou ensiná-lo sobre as coisas do mundo. Um dia, o avô e todas as pessoas pobres que moravam por perto foram mortos. A sua única esperança é uma mulher que ele ajudou antes, que também acaba sendo atacada. Quem estava atacando as pessoas queridas de Jin são os Players, pessoas que se tornaram monstros.

Jin não tem escolha senão caçar os Players, aproveitando-se da sua habilidade de se transformar em ZET, uma criatura de incrível poder. Os Players foram criados pela Corporação Amagi, cujo fundador é Mitsugai Amagi, que conheceu o avô de Jin. E seu neto, Kouga, é um defensor da justiça, que lutará contra os Players também.

 

Comentário

Boa série de ação, com elementos um tanto previsíveis, no entanto. O mangá tem um bom traço e as suas cenas de ação são muito boas e compreensíveis. O design de personagens não me agrada muito, mas é de qualidade. O anime tem um gráfico que não chega a ser excepcional, mas é bom. A animação também segue assim, sendo boa nas partes com mais ação e combates com os Players. A trilha sonora é boa. Como disse antes, há muitas diferenças entre a história do mangá e do anime. Isso compromete um pouco o desenvolvimento do anime (que só vai ter 13 episódios, o que complica), sem dúvida Mas é esperar pra ver o quanto que essas diferenças vão interferir. No geral, a história começa com uma proposta bem interessante. Mas o fator de haver uma corporação que cria os Players e agora quer destruí-los, um grupo manipulando as coisas de bastidores… São elementos bem conhecidos. E algumas coisas que acontecem são previsíveis demais. O conflito entre Jin e Kouga é um atrativo da história. Tem boas cenas de ação e pouco alívio cômico. Vale a pena conferir, lembrando que tem algumas cenas bem fortes.

-by Ryuh (@GabiMTG)

Read Full Post »

Série lançada em 2006 como um game para PS2, sendo voltado para o público feminino, possuindo várias continuações. Em 2007, ganhou mangá de apenas um volume, que não foi publicado no Brasil. Em 2012, ganhou anime, que terá 13 episódios. Gênero: Sobrenatural/Ação/Romance/Harém invertido

 

História

Tamaki Kasuga é uma jovem estudante que volta para o vilarejo onde passou a sua infância, junto com sua avó.  Na sua chegada, ela explora um pouco a parte de floresta e se depara com criaturas monstruosas. Então, um jovem desconhecido aparece e elimina as criaturas com um encantamento, com a ajuda da própria Tamaki. Ela então descobre que é a próxima Tamayorihime, que sucederá sua avó e deve guardar uma espécie de selo. Ao seu lado ela conta com 5 jovens de uma família de guardiões com poderes especiais, sendo que quem a ajudou antes é um deles. Tamaki então deve aprender mais sobre seu papel como Tamayorihime, lidar com inimigos e se relacionar com seus aliados.

 

Comentário

Uma série shoujo e de harém invertido com muitos aspectos típicos, mas que consegue ter um tanto de diferenciação. O mangá é muito mais voltado para o aspecto shoujo, tendo um bom traço e detalhes. O anime tem um gráfico muito bonito, bem feito e detalhado, e tem uma animação geral é boa. A ressalva fica com algumas criaturas que surgem, que têm um design meio estranho e se movem com uma animação igualmente estranha. A trilha sonora é boa, sendo bem calma em vários momentos.

A história tem uma proposta um tanto batida, mas interessante mesmo assim. No entanto, ela não se desenvolve com muita força. Falta um algo a mais para despontar como algo realmente excelente. Um aspecto forte da série é a presença dos 5 jovens ao redor da protagonista, afinal, é um harém invertido. Um clima de romance se desenvolve bem, com cada um tendo mais chances com Tamaki. Tem uma boa parte de ação e de poderes sobrenaturais, que colocam mais movimento à coisa toda. E é essa parte com ação que diferencia um pouco a série dos demais títulos do gênero. Um ponto fraco são os personagens. Eles são muito estereotipados, sendo que a protagonista é a típica heroína frágil e gentil.

Em linhas gerais, é uma série com qualidade, mas não é exatamente algo muito forte. Pode ser uma boa para quem goste do gênero. Com 13 episódios, dá pra esperar uma boa adaptação dos games.

-by Ryuh (@GabiMTG)

Read Full Post »

Uchuu Kyoudai

Mangá escrito e ilustrado por Chuya Koyama. Foi lançado em 2008 e tem 17 volumes até o momento (é lançado semanalmente no Japão). Não é publicado no Brasil. Ganhou anime em 2012, que terá 12 episódios. Gênero: Slice of life/Sci-fi/Drama/Comédia

 

História

Mutta e Hibito são dois irmãos que em 2006, na final da Copa do Mundo, viram um estranho objeto no céu noturno. Era uma espécie de OVNI que estava indo em direção à Lua. Ambos então declararam que queriam ir ao espaço e conferir o que viram. Os anos se passaram. Hibito estava mais próximo do sonho de infância. Já é um astronauta e logo sairia em uma missão espacial. Mutta até que teve sucesso na sua carreira, projetando famosos carros, mas acabou sendo demitido e ficando muito tempo desempregado. Eventualmente, Hibito ouve falar da situação do irmão mais velho e dá uma dica para a vida dele, a fita que gravaram no dia que viram o OVNI. Com essa inspiração, Mutta resolve correr atrás do seu antigo sonho.

 

Comentário

Uma série muito legal, com uma ótima mensagem. O mangá tem um traço que me agrada bastante. É leve, mas ao mesmo tempo bem detalhado, com um design de personagens bem próximo do real, com preocupação na parte anatômica. O anime tem uma produção boa. O gráfico segue bem o estilo do mangá, sendo bom nos cenários e personagens. A trilha sonora é muito boa e sua animação não deixa a desejar.

A história é interessante e cativante, por ser feita de uma forma a elaborar bem o contexto e personagens. E também, quem nunca pensou alguma vez em ser astronauta e conhecer um pouco mais as coisas que vemos no céu? A luta de Mutta é muito cativante e bem explorada. Os personagens mais fortes de início são só os irmãos, mas depois aparecem mais personagens bons. O clima da série é no geral bem leve, tendo muitos momentos cômicos.  O anime só vai ter 12 episódios, então não vai abranger tudo da história, mas vale a pena ver. Siga seus sonhos!

-by Ryuh (@GabiMTG)

Read Full Post »

Sankarea

Mangá escrito e ilustrado por Mitsuru Hattori, lançado em 2009 e ainda em andamento, com 5 volumes. Não é publicado no Braisl. Em 2012, ganhou anime, que terá 13 episódios. Gênero: Romance/Comédia/Zumbi

 

História

Chihiro Furuya é um jovem estudante que tem um gosto bem peculiar por zumbis, tanto que gosta da ideia de ficar junto de uma garota zumbi. Ele fica muito chocado quando seu gato, Babu, é morto atropelado. Mas ele acha um antigo manuscrito sobre uma forma de reviver o gato com uma poção, mas voltaria como um zumbi. Chihiro trabalha nisso em um lugar abandonado. Lá ele se encontra Rea Sanka, filha do diretor da prestigiosa escola Sanka, e conversam. Eventualmente, Chihiro consegue fazer a poção e reanimar seu gato. E seu sonho de ter uma garota zumbi pode ser bem mais possível do que esperava.

 

Comentário

Uma série bem divertida e boa. O mangá tem um traço bem bonito e elaborado, que nem o design de personagens. O anime tem um gráfico igualmente bonito e bem feito, com muita qualidade e cores vívidas. A parte sonora é boa, mas não se destaca tanto. A animação também é boa. A história é bem interessante, pois acompanha bem o que cada personagem pensa e seus dilemas. O fator zumbi é importante, mas o essencial é a relação entre Chihiro e Rea e como eles lidarão com a nova situação. A construção disso é que torna a história mais forte. Tem muitos momentos cômicos e quase não tem zumbis comendo pessoas e coisas assim. Tem cenas ecchis, com certa nudez.

Como o mangá ainda está em andamento, pode ser que o anime não tenha um final muito satisfatório, sendo bom acompanhar o mangá. Recomendo!

-by Ryuh (@GabiMTG)

Read Full Post »

K-ON!

Mangá escrito e ilustrado por Kakifly. Lançado pela revista Manga Time Kirara em 2007, possui 4 volumes que começaram a ser lançados no Brasil esse ano. O anime é dividido em duas temporadas e mais um OVA. A primeira temporada contém 13 episódios e a segunda 26. Gênero: Comédia/ Música/ Seinen.

História

A história gira em torno do grupo musical de um colégio (K-ON) que possui quatro integrantes que decidem formar uma banda.

 Dentre as garotas, estão: Yui Hirasawa, que passa a ser a guitarrista e vocalista, Mio Akiyama, baixista e também vocalista, Tsumugi Kotobuki, a tecladista e Ritsu Tainaka, baterista. Todas estão no ensino médio e a medida que o anime avança, mostra as mesmas indo para o 2° e 3° ano. No segundo ano, uma nova integrante surge no grupo, seu nome é Azusa Nakano e ela passa a ser a segunda guitarrista da banda. O anime pode lembrar um pouco Lucky Star, devido ao cenário escolar e episódios bastante descontraídos.

Tags: Anime, K-ON!, Hirasawa Yui, Akiyama Mio, Kotobuki Tsumugi

Comentários

É um bom anime e bastante divertido. As músicas são boas e também gosto dos gráficos. Eu acho que foca bem nesse sonho que muitas pessoas (inclusive adolescentes) têm de formar uma banda e é um ótimo incentivo.

By: Rabi =3

Read Full Post »

Older Posts »